Seus pensamentos estão em perigo


Minha primeira impressão sobre "As suas lembranças são minhas" era que ele provavelmente seria uma daquelas histórias onde eu iria chorar rios de lágrimas, afinal é da mesma autora do sucesso "P.S Eu te amo", a irlandesa Cecelia Ahern, logo eu esperava fortes emoções. Porém essas expectativas não se concretizaram, não que o livro não tenha sua carga emocional, mais ele não chegou nem perto de me levar aos prantos.

A história segue contanto a vida de dois personagens, Joyce que enfrenta um difícil momento de sua vida depois de perder o bebê e se separar de seu já fracassado casamento, ela volta a morar com seu pai viúvo e Justin um professor de arquitetura que deixa a América para lecionar na Irlanda e assim ficar mais perto de sua filha que vive na Inglaterra. Qual a conexão entre eles?

Acontece que quando Joyce perdeu seu bebê, ela teve muita perda de sangue e precisou ser realizada uma transfusão, e então ela recebe o sangue doado por Justin, a partir daí ela começa a ter flashes de lembranças e memórias que não são dela, começa inexplicavelmente a entender de arquitetura e a falar latim e italiano. Enfim junto com o sangue de Justin vieram também suas lembranças, memórias e conhecimentos agora Joyce sente como se conhecesse a fundo essa pessoa sem saber como isso pode estar acontecendo.

Eu sei que lendo a sinopse assim parece se tratar de uma história bem surreal e estranha, porém ela funciona muito bem, a autora consegue criar uma narrativa despretensiosa mais ao mesmo tempo envolvente. A grande sacada do livro é que depois que Joyce e Justin se encontram pela primeira vez por puro acaso (ou não) e ambos sentem uma estranha conexão, é impossível não virar cada página esperando que eles se encontrem novamente, e a cada encontro e desencontro eles chegam mais perto de juntar o quebra-cabeça e descobrir toda a coisa da transfusão.

Aliás essa jogada de manter o leitor preso a essa espera para que os personagens descubram toda a verdade é um ponto positivo mais também negativo, afinal no final do livro eu já estava me sentindo cansada e até meio frustrada de esperar algo que nunca acontecia.

A narrativa é leve e nos leva aos cenários europeus da Inglaterra e Irlanda, não é um daqueles romances melosos, impossíveis eu arrebatadores, é uma história de amor que pode ou não dar certo e o casal protagonista é carismático e real, sem galã perfeito ou mocinha sem graça.

Enfim eu gostei muito do livro e apesar de ter me decepcionado um pouco com o final ele não estragou minha avaliação, é uma livro bonito e que te faz querer ser surpreendido a cada descoberta.

Poll

Followers

Ocorreu um erro neste gadget